Área de Conhecimento

Nesta secção há o compartilhamento de artigos, textos, opiniões e ideias sobre assuntos que envolvem a nossa sociedade como um todo de forma a permitir o desenvolvimento de uma opinião crítica principalmente sobre situações que envolvem o nosso dia a dia, não apenas como pessoas, em nossas relações mais próximas, bem como aquelas interações profissionais.

50 Tons de... Corrupção

Há um esforço descomunal do governo brasileiro e de muitos políticos no Congresso Nacional em querer provar à opinião pública que eles não têm absolutamente nada a ver com tudo que está acontecendo, especialmente na Petrobras. Cerca de 50 deputados e senadores podem estar envolvidos diretamente nas falcatruas do petrolão! Mesmo assim, ainda prevalece a inocência de muitos cidadãos em aceitar essa roubalheira como normal. Com perdão e franqueza: os abusos se avolumam, retratando o povo verdadeiramente como adepto do sadomasoquismo. Ora bate, ora apanha. Mais apanha! E diz: "Bate! Bate mais! Bate que eu gamo!" Uma demonstração de submissão de quem quer mesmo ser amarrado nu e puxado por uma cordinha, usando alguma coleira, infelizmente. Ainda que esse pensamento até ofenda a gente pela sinceridade que contem, não há outra explicação quando aceitamos tudo que está sendo perpetrado em Brasília. Aos poucos a população vai-se escravizando, apanhando, sendo surrada com os baixos rendimentos, onde o Imposto de Renda está com a tabela defasada em 66%. Explicitamente um roubo!!! Chicoteia na bunda até do mais humilde dos assalariados. Fica evidenciado que o objetivo é nos tornar completamente "dominados". Quer a prova disso: a reeleição! 

Os atos libidinosos de quem está  no poder ainda chega com ferrenhos defensores. Políticos que se excitam ao ver a população sofrendo. Sentem tesão! Adeptos do ditado: "Eu concordo que o povo passe fome, desde que trabalhe!" O Brasil em recessão está completamente "encoleirado", algemado. E quem deveria estar algemado não está! Fico indignado ao ver os ladrões que depenaram a Petrobras andando sem algemas. Roubaram bilhões deixando crianças órfãs! Os pais de muitas delas morreram porque não conseguiram tratamento de saúde; porque o dinheiro foi desviado para contas no exterior pelos políticos espertalhões. Esses bandidos dão bofetadas na cara da saúde, da educação, da segurança e ainda desfrutam da chamada "prisão domiciliar". Ah, tenha dó! Deveriam  ser algemados pelos pés, pelas mãos e pelos ... São os mais violentos dos facínoras!  

O povo está reprimido com uma coleira de pelúcia no pescoço que se chama "inflação". Está sendo açoitado nas nádegas em cima de uma cama com os aumentos na conta de luz, nos combustíveis, nos alimentos e no corte nos benefícios sociais, na aposentadoria. E a moda da delação premiada entre empreiteiros ladrões? É uma pedra de gelo na esperança de que todos os envolvidos sejam condenados, presos e o dinheiro devolvido ao Estado. Já estão querendo amordaçar os juízes federais que atuam no caso!  

Sigmund Freud dizia: "toda sexualidade humana é pervertida". A política brasileira hoje é feita de sem-vergonhice! Eles, os políticos mandam, e o povo "obedece". Há dois lados distintos aqui: quem bate e quem apanha. De forma consensual é um jogo que nos está levando para o abismo. Como a Anastasia do filme, o cidadão foi cedendo, cedendo e chegamos neste ponto de estranhos "brinquedinhos". Cera quente, cangas, cordas, leis depravadas e imorais... A dor infringida a cada brasileiro parece não ter fim. E o fetiche é o dinheiro que imobiliza todo mundo e suspende pelo gancho do imediatismo. Ninguém pensa na geração que está vindo! Quer gozar agora!!!

As fantasias obscenas que surgem levam o cidadão a pensar que "tudo pode". Até matar!  Os itens nada eróticos para torturar vão de um pequeno "38" às potentes armas contrabandeadas, fuzis e metralhadoras. Para piorar, a falta de energia elétrica dá oportunidade para encher as casas com velas, outro acessório muito usado no sadomasoquismo. O Brasil está numa masmorra fedorenta. Debaixo de chibatadas! Há destruição de bem público, roubos, apropriação indébita, assassinatos, seqüestros, tráficos, arrastões, pedofilia e políticos corruptos traidores da confiança do povo.

Mas, quando as presilhas sedutoras do espartilho do BNDES forem soltas, caírem, veremos tudo! Muita gente vai gemer alto. Se arrepiar. Tremer! A coisa vai ficar ainda mais escura...